segunda-feira, 6 de outubro de 2008

um fim de semana na praia

o mar- la plage on l'aura deviné!



a ponte - le petit pont


o lugar o todo pode acontecer- la barraque de ravitaillement

obrigada por não confundir - merci de ne pas prendre les murs pour des toilettes publiques!c'est pas moi qui le dit....

terça-feira, 30 de setembro de 2008

Ficar,Namorar

Para entender os códigos de sedução em geral é complicado, mas quando a cultura é diferente do seu país nativo, o desafio é grande!

Demorei pelo menos um ano, alguns jantares e muito Happy hour com minhas amigas brasileiras (as outras ficaram perdidas que nem eu) para entender o negócio do famoso “ficar-namorar”??

Imaginem minha cara o dia que ouvi falar de “paquerar” ...

No Brasil a sedução é mais “simples” e direita, sem duvida nenhuma e, além de ter vantagens ótimas nisso, perdi todos meus pontos de referência e tive que me jogar na batalha.

Gentes, pelo amor de Deus, editem uma guia para gringos!!!

Primeiro, aviso meus amiginhos de fora que “paquerar,” basicamente é “flertar” (mini-larousse 2006), to flirt, enfim qualquer target potencial com quem você está acompanhada/o.

Isso não quer dizer que você está saindo (no meu pais a gente fala simplesmente de “sair” ou seja com “paquera-ficante ou namorado”) com essa pessoa, mas que você entrou na fase de ataque (ou não!) para ela se tornar um “ficante”, mais isso só depois de beijar, viu? Deu para entender? Não? Nem eu!

Segunda etapa: o “ficante”,a parte mais delicada pela compreensão do mortal “não brasileiro”.

Inicialmente eu o traduzi por “boyfriend”, NUNCA apresentar um “ficante” como um “boyfriend” ou “namorado” (quase um noivo). Meus Deus do céu, está louca minha filha!! Eu já vi alguém se tornar verde, depois branco enfim roxo por causa disso.... Quando o vocabulário falta é punk, viu! O gringo não entendeu o problema e se ferrou definitivamente com o ficante, potencial namorado!

Eu não tinha pedido uma guia??

Resumindo, o “ficante” é o “case”, a transa dos finais de semana e mais se afinidade. Pode ter vários ao mesmo tempo, por isso agradecemos pela delicadeza de não avisar os outros/as outras!

A última suprema etapa: o “namorado”, queridinho, chuchuzinho, amorzinho. Enfim a fase aonde os homens acham que se “ferraram” e as mulheres que “pescaram” o futuro noivo.

Generalizando muito, para mim o “ficar- namorar” é o “8-80”, meio termo não tem!

Pessoalmente, a pesar de ter demorado em entender o manual de instruções, eu consegui, com a maior natureza do mundo, transformar meu “one night stand” em “one life stand”, n’est-ce pas mon petit coeur?